Informação relativa à COVID-19 em arquivo

30 de junho de 2020 (Atualizado)

Perguntas Frequentes (Arquivadas)

De acordo com a Ordem n.º 13 relativa à COVID-19, iremos atualizar as datas e os detalhes abaixo para as Perguntas e Respostas relevantes.

 

P: Que impacto terá a pandemia da COVID-19 nos nossos programas de Eficiência Energética e quanto tempo irão durar essas alterações? (NOVO 02/06/2020)

O Governador de Massachusetts declarou um estado de emergência e os governos, as escolas, as empresas e os cidadãos estão a tomar medidas para limitar a interação e a disseminação do vírus. Devido a esta situação séria e em rápida evolução, anunciámos impactos significativos em vários elementos dos nossos programas de Eficiência Energética de 2020. Embora as reduções de energia obtidas pelos programas de eficiência energética ajudem a melhorar a saúde pública a longo prazo, as preocupações imediatas e emergentes relacionadas com a pandemia da COVID-19 com que as nossas comunidades se deparam têm de ter prioridade.  

Os Gestores de Programas continuam a monitorizar de perto os desenvolvimentos e impactos relacionados com a COVID-19.  No dia 18 de maio de 2020, o Governador anunciou uma abordagem faseada para reabrir Massachusetts. Os Gestores de Programas têm de continuar a atribuir a mais alta prioridade à segurança e cumprir todas as diretrizes de segurança de acordo com as orientações estaduais.  À medida que for anunciada cada fase do plano do Governador, disponibilizaremos atualizações relativas às alterações nos nossos serviços.

Tendo em conta comunicações regionais e federais atualizadas e orientações recentes, os Gestores de Programas têm o prazer de anunciar que o processo destinado a retomar serviços em instalações já começou. Esta semana, alguns agentes que concluíram formação em segurança começarão a fazer trabalhos em instalações que possam ser realizados a partir de espaços exteriores e desocupados da casa. Leia abaixo as nossas orientações atualizadas relativas aos requisitos mínimos de segurança para obter mais detalhes.  

Os Gestores de Programas continuarão a trabalhar em conjunto com autoridades e especialistas em saúde pública e também com membros da comunidade de agentes para discutir o modo como os agentes podem retomar os serviços da forma mais rápida e segura possível, tanto agora como durante a reabertura do estado. Pedimos aos nossos agentes e parceiros de implementação que tenham essa realidade em consideração no agendamento de compromissos com clientes. Durante este período, os Gestores de Programas continuam empenhados em trabalhar com os parceiros e outras partes interessadas para desenvolver e implementar estratégias de mitigação (incluindo a transição de trabalho para mecanismos de fornecimento remoto/virtual) sempre que for possível e apropriado. Também pedimos a todos os parceiros que consultem a   lista de Recursos para Agentes para obterem informações adicionais sobre recursos estaduais e federais que estão disponíveis para apoiar a comunidade empresarial e os funcionários afetados durante este período difícil.

 

P: Quais são as diretrizes de saúde e segurança que estão a ser desenvolvidas? (Atualizado 30/06/2020)

Desde a suspensão do trabalho de eficiência energética em instalações em resposta à pandemia da COVID-19, a Environmental Health & Engineering, Inc., uma empresa respeitada de consultoria de saúde e segurança, tem colaborado com várias entidades do mercado de eficiência energética, agentes e especialistas em saúde e segurança para identificar oportunidades em que determinadas diretrizes mínimas de saúde e segurança permitirão apoiar a implementação segura de determinados trabalhos de eficiência realizados em instalações.


Foram desenvolvidas diretrizes de saúde e segurança para os serviços em instalações residenciais, incluindo os serviços que envolvem contacto com clientes. Os Gestores de Programas irão encarar essas diretrizes como requisitos mínimos para retomar o trabalho em instalações. Todos os fornecedores contratados e aliados comerciais terão de demonstrar conhecimento de e conformidade com as diretrizes em questão antes de serem autorizados a retomar qualquer trabalho em instalações.


À data de 1 de junho de 2020, os serviços em instalações que possam ser fornecidos a partir de um espaço exterior/desocupado de casas de 1-4 unidades podem ser iniciados esta semana. Todo o trabalho será realizado em conformidade com protocolos de segurança de terceiros e também com protocolos incrementais de conformidade acordados entre cada fornecedor principal e o Gestor de Programa que patrocina cada trabalho.


Os fornecedores principais colaborarão de perto com agentes na conclusão desse trabalho. Tenha em atenção que nenhum trabalho será concluído sem aprovação explícita do Gestor de Programa e do fornecedor principal.


Foram desenvolvidos protocolos adicionais de segurança para trabalho nas áreas Comercial e Industrial, Multifamiliar e Residencial e para trabalho em instalações que envolve contacto com clientes. As mais recentes diretrizes de saúde e segurança para trabalho em instalações que envolve contacto com clientes foram alteradas para incluir:

Requisitos alternativos referentes a EPI de Nível 3. 


Um aditamento de pormenorização dos EPI para trabalhos não relacionados com a instalação. Este aditamento aplica-se sobretudo a fornecedores que concluam trabalhos upstream, vendas, auditoria energética não residencial, avaliação técnica (AT) ou trabalhos de avaliação.


Um aditamento que descreve requisitos de vestuário alternativos aos fatos-macaco e um novo requisito de desinfeção do calçado ou de utilização de proteções de botas.


Estas diretrizes e os requisitos alternativos substituem todas as versões anteriores das diretrizes.


No âmbito destes esforços, os Gestores de Programa de Massachusetts estão a implementar um novo procedimento para funcionários de fornecedores contratados com um resultado positivo no teste ao vírus da COVID-19 e que apresentem sintomas dentro de 48 horas após a visita à casa ou à empresa de um cliente. Agora é exigido aos fornecedores que informem o respetivo representante do Gestor de Programa caso um funcionário tenha um teste positivo e informem o funcionário de que este tem de cooperar totalmente com o Departamento de Saúde Pública (DPH) do Massachusetts, de modo a permitir ao referido departamento realizar o necessário rastreio de quaisquer contactos. Para auxiliar no esforço de rastreamento de contactos, desenvolvemos um registo de contacto com clientes, que deverá ser preenchido por um supervisor do funcionário e que deverá identificar todos os locais do cliente visitados pelo funcionário nas 48 horas antes de começar a apresentar sintomas de COVID-19.


As formações relacionadas com trabalho Comercial e Industrial e Multifamiliar foram disponibilizadas em 2 de junho de 2020. As formações relacionadas com trabalho Residencial e Comercial e Industrial foram disponibilizadas em terça-feira, 2 de Junho de 2020. As formações relacionadas com trabalho Residencial e Comercial e Industrial foram disponibilizadas em 11 de junho de 2020. As informações atualizadas relacionadas com essas diretrizes estão disponíveis  aqui.


P: O Governador atualizou a lista de serviços essenciais para incluir a eficiência energética.  A suspensão do trabalho em instalações já foi abolida? (Atualizado: 02/06/2020)

Não, a suspensão do trabalho em instalações não foi totalmente abolida. Porém, alguns serviços em instalações podem ser retomados esta semana.

No dia 1 de abril de 2020, ao meio-dia, entrou em vigor uma lista atualizada de “Serviços Essenciais de COVID-19” baseada em orientações federais.  Embora essas atividades sejam designadas como essenciais, têm de cumprir os protocolos de distanciamento social destinados a trabalhadores em conformidade com as orientações do Departamento de Saúde Pública (DPH).  A principal prioridade dos Gestores de Programas continua a ser a segurança dos respetivos clientes, parceiros comerciais e funcionários.  As atualizações da lista de serviços essenciais do Governador removeram um obstáculo ao reinício do trabalho em instalações e esclareceram que os projetos de eficiência energética não necessitam de obter uma exceção específica para retomar o trabalho quando for seguro fazê-lo. 

À data da semana de 1 de junho de 2020, os Gestores de Programas determinaram que os serviços em instalações que possam ser fornecidos a partir de um espaço exterior/desocupado na casa podem ser retomados de uma forma segura, desde que o trabalho seja realizado em conformidade com determinados protocolos de saúde e segurança. 
Os Gestores de Programas continuam a trabalhar em conjunto com o Departamento de Recursos Energéticos (DOER), o escritório do Procurador Geral, a Low-Income Energy Affordability Network (LEAN) e membros da comunidade de agentes à medida que este tipo de trabalho e outras fases de trabalho são retomados. Esperamos a libertação de mais trabalho à medida que se finalizam protocolos adicionais e processos de formação e conformidade.  Continuaremos a atualizar estas perguntas frequentes à medida que forem desenvolvidas informações e orientações novas ou adicionais.  

 

P: Quais são os esforços de mitigação que os Gestores de Programas estão a considerar? (Atualizado: 02/06/2020)

Tendo em conta a suspensão parcial de trabalho em instalações, os Gestores de Programas estão a procurar formas de prestar assistência aos agentes para apoiar a força de trabalho continuada e mitigar o impacto de abrandamentos e paragens de trabalhos resultantes da COVID-19.  Os Gestores de Programas formaram um Grupo de Trabalho de Mitigação de Agentes constituído por representantes dos Gestores de Programas (liderados pela National Grid e pela Eversource), do Departamento de Recursos Energéticos, da LEAN (Low-Income Energy Affordability Network) e da comunidade de agentes. 

 

P: Esta situação afetará diretamente as visitas em casa e em instalações?

Os Gestores de Programas de Massachusetts vão suspender temporariamente todos os trabalhos e compromissos não essenciais em que haja necessidade de um fornecedor contratado entrar na casa (“em casa”) ou na empresa (“em instalações”) de um cliente, ou de se aproximar com contacto físico próximo de outras pessoas. Determinados serviços em instalações que possam ser fornecidos a partir de um espaço exterior/desocupado da casa podem ser retomados esta semana, sujeitos às condições acima, e serão realizados em conformidade com protocolos de saúde e segurança. 

 

P: Qual é a diferença entre um fornecedor contratado e um aliado comercial?

Um fornecedor contratado foi totalmente aprovado, tem um contrato assinado com o Gestor do Programa ou com um dos seus fornecedores contratados e trabalha de acordo com o critério e orientação do mesmo. Um aliado comercial é uma empresa que trabalha através de um programa de descontos/incentivos e que opera unicamente ao abrigo de um contrato direto com o cliente e não com um Gestor do Programa. O trabalho de aliados comerciais é efetuado unicamente segundo o critério dos mesmos e está sujeito a um acordo mútuo entre o aliado comercial e o cliente.

 

P: Isto inclui compromissos (avaliações energéticas e trabalho não iniciado) já agendados? (Atualizado: 02/06/2020)

Continuará a suspensão de todos os trabalhos em instalações que não possam ser fornecidos a partir de espaços exteriores e desocupados.  Estamos a trabalhar para desenvolver formas específicas de colaboração durante este período, continuando a seguir as práticas e os procedimentos de segurança necessários e a obter orientação do Departamento de Serviços Públicos, do DOER, do escritório do Procurador Geral, da LEAN, do Departamento de Saúde Pública, dos Serviços de Saúde locais e de outras fontes fidedignas.

 

P: Os clientes poderão prosseguir com atividades de eficiência durante este período? (Atualizado: 02/06/2020)

Durante a suspensão temporária de serviços em instalações, os Gestores de Programas planeiam continuar todos os outros serviços de eficiência energética, incluindo:

  • Trabalho num espaço exterior/desocupado da casa, sujeito aos protocolos aplicáveis de saúde e segurança, ao Gestor de Programa e aos requisitos do fornecedor principal
  • Auditorias online
  • Ofertas Upstream/Ponto de venda
  • Descontos em lojas
  • Resposta a procura ativa
  • Incentivos comerciais e industriais orientados por aliados comerciais
  • Em alguns casos limitados, pré-inspeções e pós-inspeções “virtuais” para projetos comerciais e industriais
  • Financiamento com 0% de juros através do Empréstimo HEAT

 

P: Quando podemos esperar que sejam retomadas as visitas em casa e em instalações? (Atualizado: 02/06/2020)

À data da semana de 1 de junho de 2020, os serviços em instalações que possam ser fornecidos a partir de um espaço exterior/desocupado de casas de 1-4 unidades podem ser retomados. Esse trabalho do fornecedor será realizado de acordo com protocolos de segurança e conformidade. Tenha em atenção que nenhum trabalho deverá ser concluído sem aprovação explícita do respetivo Gestor de Programa e fornecedor principal. Os Gestores de Programas esperam a libertação de trabalho adicional nas próximas semanas, à medida que se finalizam esses protocolos e processos de formação e conformidade. Comunicaremos uma data oficial para recomeçar níveis adicionais de serviços em casa e em instalações quando considerarmos que é apropriado fazê-lo, com base nas orientações dos responsáveis de saúde pública locais e estaduais. Disponibilizaremos atualizações adicionais quando tivermos mais informações. 

 

P: Como devemos lidar com projetos comerciais e industriais pequenos que estão parcialmente concluídos?

Essa situação será tratada caso a caso, contacte o seu Gestor de Programa.

 

P: Os Gestores de Programas continuarão a realizar pré-/pós-inspeções? (Atualizado: 02/06/2020)

Neste momento, apenas é possível realizar pré-/pós-inspeções em instalações que estejam relacionadas com espaços exteriores/desocupados. Não estamos a realizar quaisquer outras inspeções em casa ou em instalações.  Os Gestores de Programas estão a estudar o assunto e a discutir alternativas, e publicarão atualizações aqui. Consulte o seu Gestor de Programa através dos contactos disponibilizados se tiver ideias ou sugestões. 

No caso de clientes comerciais e industriais, estamos a permitir a utilização de pré-inspeções e pós-inspeções “virtuais” sujeitas a determinadas condições.  Isso inclui projetos que envolvem equipamento de natureza prescritiva e de simples confirmação.  Além disso, a inspeção tem de ser concluída de forma segura pelo cliente/proprietário utilizando uma câmara/equipamento de vídeo disponibilizado pelo próprio.  Para obter informações detalhadas sobre elegibilidade, contacte o seu Gestor de Programa.

 

P: Os estudos de Assistência Técnica (AT) ainda estão a ser realizados?

Se a empresa de AT for um fornecedor contratado por um dos Gestores de Programas, todos os trabalhos em instalações estão suspensos até nova ordem, mas qualquer análise ou outro trabalho que não exija uma visita nas instalações pode e deve continuar. Se a empresa de AT não for um fornecedor contratado, todo o trabalho é efetuado segundo o critério do mesmo, sujeito a um acordo mútuo entre o fornecedor e o cliente.

 

P: As recolhas de frigoríficos são permitidas se o frigorífico for deixado no exterior?

Sim, desde que não haja contacto com o cliente. O fornecedor deve assegurar o cumprimento de todas as precauções recomendadas no que diz respeito a distanciamento social.

 

P: Estão a permitir exceções por questões de segurança ou para situações de emergência? (Atualizado: 30/04/2020)

Estamos a permitir exceções quando existem problemas de segurança (ex.: fios abertos) que precisam de ser resolvidos ou quando existe uma emergência que pode afetar a saúde de habitantes (ex.: falha na substituição do sistema de aquecimento).  Contacte o seu Gestor de Programa se tiver alguma dúvida.

 

P: Pode ser efetuada a entrega de um produto que tenha sido comprado e enviado para um local comercial que não tenha pessoal a trabalhar?

No caso de fornecedores contratados, estão suspensos todos os trabalhos e compromissos não essenciais em que haja necessidade de um fornecedor contratado entrar na casa ou na empresa de um cliente. No caso de aliados comerciais, depende do critério dos mesmos, desde que haja acordo mútuo e o cliente e o fornecedor estejam dispostos a tomar todas as precauções.