Dicas de Poupança Energética

Dez formas de ser energeticamente eficiente em sua casa.

Formas Fáceis de Poupar – Um Guia Rápido para um Consumo Sábio de Energia

Todos gostam de encontrar novas formas de poupar dinheiro e manter as casas nas melhores condições possíveis. Estas dicas de poupanças de energia vão ajudá-lo a preservar cada canto da sua casa. Desde o aquecimento e refrigeração até ao tratamento da sua roupa, está protegido. Se está pronto para substituir equipamentos ou eletrodomésticos antigos e ineficientes, não se esqueça de verificar os nossos descontos e incentivos para o ajudar a poupar ainda mais.

Aquecimento e refrigeração com a eficiência ideal
O isolamento adequadamente instalado e inspecionado em solo, paredes e sótãos assegura temperaturas médias em toda a casa assim como um consumo energético reduzido e um conforto acrescido.
  • Verifique o seu filtro de ar da sua fornalha mensalmente, especialmente durante os meses de forte utilização (inverno e verão). Se o filtro estiver sujo, mude-o. No mínimo, troque o filtro a cada três meses. Filtros sujos diminuem o caudal de ar e fazem o sistema trabalhar mais, gastando mais energia. Um filtro limpo impedirá o pó e a sujidade de se acumular no sistema, originando uma manutenção dispendiosa e/ou uma falha prematura no sistema.
  • Afinando o seu sistema de aquecimento ou refrigeração aumenta a eficiência e o conforto, bem como o desempenho global. Faça a manutenção do seu sistema de aquecimento de dois em dois anos e nunca tente repará-lo por iniciativa própria. 
  • Ajustar o seu termóstato alguns graus origina grandes poupanças. Quando estiver em casa, programe-o para 78 graus ou mais refrigerar e 68 graus ou menos para aquecer. Mude o termóstato 7–10 graus cada vez que sair de casa por duas ou mais horas e quando for dormir à noite. Se tiver uma caldeira de condensação ou uma bomba de calor a ar, deixe o termóstato a uma temperatura interior constante. A tecnologia ajusta a temperatura do seu sistema de acordo com a temperatura exterior.
  • Um termóstato programável é ideal para as pessoas que estão longe de casa durante determinados períodos fixos de tempo.
  • Programe a temperatura para se ajustar quando a casa estiver vazia ou quando estiverem a dormir.
  • Um termóstato sem fios permite-lhe controlar a temperatura remotamente a partir do seu computador, tablet ou smartphone e alguns têm mesmo sensores para saber quando está em casa, por isso ajusta a temperatura automaticamente. Receba alertas por mensagem de texto ou e-mail se o seu sistema de aquecimento ou refrigeração não estiver a funcionar.
  • Use a definição da ventoinha do seu AC de janela à noite quando o ar exterior estiver fresco ou abra uma janela e deixe o ar condicionado desligado. Certifique-se de que mantém as janelas fechadas quando o ar condicionado estiver ligado.
  • Mude a definição da ventoinha do termóstato do ar condicionado central de "funcionamento contínuo da ventoinha” para “automático”, para que a ventoinha funcione apenas para refrigeração.
  • Verifique e inspecione o dreno de condensação do ar condicionado central. Um dreno entupido causa danos provocados por água na casa e afeta os níveis de humidade no interior.
  • Limpe as bobinas do evaporador e do condensador do ar condicionado. As bobinas sujas levam à diminuição da capacidade de refrigeração da casa por parte do sistema e fazem com o que o mesmo fique mais tempo em funcionamento, o que aumenta os custos de energia e diminui a vida útil do equipamento.
  • As condutas que movimentam o ar de e para uma fornalha a ar forçado, uma unidade de ar condicionado central ou uma bomba de calor são normalmente grandes desperdiçadoras de energia. Isolar as condutas pode melhorar a eficiência do seu sistema de aquecimento e refrigeração em pelo menos 20% e por vezes muito mais. Peça a um profissional que inspecione as condutas para verificar se existem fugas. Se existirem muitas fugas, comece por selar as condutas que passam por espaço aberto, tal como o sótão, caixa de ar, cave não aquecida ou garagem. O seu agente deve utilizar um selante de conduta (mástique), fita-cola com reforço em metal (folha) ou um vedante Aeroseal para selar as costuras e as ligações das condutas. Depois de as condutas estarem seladas, o seu agente deve embrulhar as mesmas em isolamento para que não fiquem quentes no verão ou frias no inverno.
  • Se a sua fornalha ou equipamento de AC central tem mais de 12 anos, ou a sua caldeira tem mais de 30 anos, considere substituí-los por uma unidade mais eficiente.
  • Instalação de equipamento com o tamanho certo para cada casa é essencial para obter o melhor desempenho e conforto. Muitos proprietários acreditam que maior significa melhor quando se compra equipamento de aquecimento ou refrigeração. No entanto, um sistema demasiado grande não manterá a sua casa confortável devido aos ciclos on/off frequentes. O dimensionamento incorreto também pode danificar os elementos do sistema e diminuir a vida do mesmo. Para assegurar o dimensionamento correto, o seu agente deve entregar uma cópia dos cálculos de perda/ganho de calor da casa para o seu arquivo.
  • Um sistema carregado com a quantidade adequada de refrigerante operará mais eficientemente e ajudará a prolongar a vida do sistema de aquecimento e refrigeração. Para garantir que o seu sistema está devidamente carregado, o agente deve testa-lo e efetuar o ajuste adequado juntando ou removendo refrigerante.
  • Se o caudal de ar do seu equipamento de aquecimento ou refrigeração é demasiado elevado ou demasiado baixo, poderá ter problemas e contas de energia superiores. Um agente pode testar o caudal de ar e efetuar quaisquer ajustes necessários para um ótimo desempenho. Certifique-se de que não existem móveis perto das bocas de ar, proteções de janela ou carpetes, para que o ar possa circular livremente.
  • Coloque as ventoinhas de teto a rodar no sentido contrário aos ponteiros do relógio no verão para arrefecer uma divisão, mas inverta a direção no inverno para uma rotação no sentido dos ponteiros do relógio para empurrar o ar quente para baixo numa divisão. Desligue-os quando não estiver em casa. As ventoinhas de teto não refrescam a sua casa; só fazem circular o ar para o fazer sentir mais fresco. Por conseguinte, elas são mais eficazes quando está em casa para usufruir das vantagens.
  • No inverno, abra as cortinas durante o dia para captar mais calor e feche-as à noite para evitar perda de calor. Feche-as no verão para bloquear o calor durante a parte mais quente do dia e nas janelas viradas a sul e oeste.
  • Plantar uma árvore de folhas caducas no lado oeste ou sul da sua casa fornece sombra que manterá a casa fresca no verão.
  • Plantar uma árvore de folhas caducas no lado oeste ou sul da sua casa fornece sombra que manterá a casa fresca no verão.
 
Acabe com a vedação das correntes de ar – fita de isolamento, isolamento e mais 
  • Se a sua casa tem janelas de proteção contra tempestades, verifique se estão corretamente fechadas para a estação quente.
  • Coloque fitas de isolamento nas portas e calafetagem nas janelas e nas molduras das portas. 
  • Coloque uma folha de plástico ou película transparente resistente no interior dos caixilhos das suas janelas durante os meses frios de inverno. Certifique-se de que o plástico está selado hermeticamente na moldura. Coloque cortinas ou persianas isolantes bem ajustadas nas janelas com correntes de ar.
  • Se tiver portas deslizantes em vidro, certifique-se de que a calha está devidamente limpa. Uma calha com sujidade pode estragar a borracha selante da porta e criar espaços por onde o calor e o frio sai. 
  • Vede a abertura ou porta do sótão com fita de isolamento autocolante. Coloque um bocado de isolamento de espuma rígida na parte de trás da porta. Também poderá encontrar coberturas de isolamento pré-fabricadas para escadas de sótão em centros de obras em casa.
  • Verificar se há fuga de ar e vede à volta de:
    • canalização, eletricidade e condutas nas paredes exteriores
    • entalhes abertos para espaços como um sótão
    • falhas entre as paredes interiores e exteriores e tetos de pladur
    • pladur, incluindo entre as paredes interiores e exteriores e onde o pladur está selado ao contrapiso
    • pavimentos, incluindo pavimentos em cantilever e áreas de vigas de banda em pavimentos 
    • parede do joelho em casas Cape-style 
    • juntas entre edifícios existentes e anexos ou edifícios modulares
  • Se tiver uma cave inacabada ou uma caixa de ar, verifique se existem fugas de ar à volta das paredes de fundação procurando teias de aranha. Se existir uma teia, é porque existe uma corrente de ar.
  • Mantenha o amortecedor da lareira fechado exceto quando estiver a funcionar. Manter o amortecedor aberto é como manter uma janela totalmente aberta durante o inverno – permite que o ar quente saia pela chaminé. Se nunca usa a lareira, tape e sele o tubo de chaminé.
  • Retire as unidades de ar condicionado de janela durante os meses frios para reduzir as correntes de ar. Se não for possível, tape o interior e o exterior da unidade com plástico.

 

Aproveite ao máximo a sua iluminação 
  • Mude para lâmpadas díodo emissor de luz com certificação ENERGY STAR®. LEDs utilizam até menos 90% de energia do que as lâmpadas incandescentes e têm uma duração 25 vezes superior. 
  • Identifique o nível de lúmens (luminosidade) necessário e escolha a lâmpada com a potência (utilização de energia) mais baixa. Uma lâmpada incandescente de 60 W antiga produz cerca de 800 lúmens, enquanto uma lâmpada incandescente de 100 W gera cerca de 1600 lúmens de luz. Utilize lâmpadas mais brilhantes em áreas de trabalho fechado como para ler, cozinhar ou projetos em casa. Utilize luzes menos brilhantes em outras áreas. 
  • A cor da luz é medida numa escala de temperatura conhecida como Kelvin (K). Uma lâmpada entre 2700 K e 3000 K produz a mesma luz branca e suave de uma lâmpada incandescente tradicional. Uma lâmpada entre 3500 K e 4100 K é ideal para cozinhas ou espaços de trabalho. Uma lâmpada entre 5000 K e 6500 K produz uma luz “natural” ou “luz do dia” e é ótima para leitura.
  • Desligue as luzes nos espaços que não estiver a usar. 
  • Utilize luz natural sempre que for possível. Aproveite ao máximo a luz natural movendo secretárias, cadeiras de leitura, mesas de trabalho para mais perto das janelas. Tenha em mente que cores claras para as paredes, tetos e pavimentos refletem mais luz solar.
  • Mantenha as lâmpadas e as luminárias sem pó e outras partículas. Lâmpadas limpas transmitem mais luz que as sujas.
  • A utilização de três vias ou interruptores com regulação de luminosidade reduz o consumo da energia para a potência mais baixa possível e muda o ambiente do espaço. 
  • Nas épocas festivas, opte por luzes LED decorativas com certificação ENERGY STAR. 
  • Muitas pessoas gostam de deixar a luz ligada para que pareça que está alguém em casa enquanto estão fora. Em vez disso utilize um temporizador de luz durante algum tempo ao início da noite. Isto poupa energia e dá uma impressão mais realista de estar alguém em casa.
  • Instale um detetor de movimento na luz do alpendre para evitar que fique ligada indefinidamente. Utilize-o quando estiver em casa ou fora.
 
Poupe com aparelhos eletrónicos mais eficientes 
  • Utilize os parâmetros de gestão de energia do seu computador e monitor para que permaneçam em modo de suspensão quando não estão a ser utilizados. Desligue o seu computador quando já não precisar dele. 
  • Desligue os carregadores de bateria ou adaptadores de alimentação quando não estiverem a ser usados Mesmo que não estejam a carregar os aparelhos, os adaptadores ligados às tomadas utilizam energia. 
  • Utilize uma extensão elétrica inteligente (APS) para desligar automaticamente aparelhos eletrónicos quando não os estiver a utilizar. Por exemplo, quando não estiver a utilizar o seu televisor, uma extensão elétrica inteligente pode cortar automaticamente a energia elétrica de acessórios como leitores de DVD, consolas de jogos e sistemas de som, ou o seu computador pode cortar a energia fornecida à impressora, ao scanner e a sistemas de som.
  • Desligue a sua consola de jogos quando não a estiver a usar e evite fazer pausas por longos períodos de tempo. 
  • Diminua o brilho do seu televisor ou computador para um nível confortavél. 
  • Utilize o seu leitor de DVD em vez da sua consola de jogos para ver filmes.
  • Compre aparelhos eletrónicos com certificação ENERGY STAR. 
  • Recicle os seus aparelhos eletrónicos antigos para os manter fora dos aterros e reduzir a energia necessária para o fabrico de novos produtos.
 
Frigoríficos e congeladores – formas frescas de poupar 
  • Pense no que vai buscar ao frigorífico antes de abrir a porta. 
  • Programe o seu frigorífico para 35-38°F e o seu congelador pra 0°F. O que for acima disto é desperdício de energia. Mantenha o seu frigorífico e congelador cheios para que não tenham que trabalhar mais para se manterem frios. 
  • Afaste o frigorífico de fontes de calor como, por exemplo, um forno, uma máquina de lavar louça ou luz solar direta proveniente de uma janela.
  • Deixe alguns centímetros entre a parede e a parte de trás do frigorífico para permitir a circulação do ar.
  • Certifique-se de que os vedantes à volta da porta não deixam passar o ar. Se não for esse o caso, substitua-os. 
  • Certifique-se de que as bobinas do condensador estão limpas e que o ar circula livremente. Leia o manual do utilizador para saber como limpar as bobinas de uma forma segura. É possível comprar escovas para limpeza de bobinas na maioria das lojas de ferramentas.
  • Considere substituir e reciclar os modelos antigos dos frigoríficos a funcionar, especialmente dos produzidos antes de 2000. Frigoríficos mais antigos utilizam quatro vezes mais energia do que os modelos mais recentes.
  • Se vai comprar um frigorífico novo, um com o congelador montado em cima é normalmente mais eficiente. E escolha o mais pequeno que sirva as suas necessidades. De um modo geral, quanto maior for o frigorífico, mais elevado será o consumo de energia.
 
Utilize a sua máquina de lavar louça com mais eficiência 
  • Raspe os pratos em vez de os passar por água antes de os colocar na máquina de lavar louça. 
  • A maior parte das máquinas de lavar roupa têm diferentes ciclos para colocar os pratos com elevados níveis de resíduos, como tachos e panelas. Utilize menos água para pratos normais para poupar. 
  • Coloque a máquina a funcionar quando estiver cheia e utilize a opção de secagem ao ar ou “sem calor” para poupar eletricidade.
  • Se lavar os pratos manualmente, encha as pias para lavar e enxaguar na vez de deixar a água a correr.
 
Cozinhar sem desperdiçar calor 
  • Mantenha os bicos limpos do seu fogão a gás para assegurar eficiência máxima. As chamas azuis significam uma boa combustão, enquanto que as chamas amarelas significam que poderá ser necessário fazer a manutenção para assegurar uma boa combustão do gás. 
  • Verifique se a borracha da porta do seu forno está desgastada. Uma borracha em boas condições proporciona uma melhor retenção do calor. 
  • Mantenha os refletores da placa do fogão limpos para concentrar melhor o calor
  • Utilize tampas que se encaixem bem nos tachos e nas panelas para diminuir o tempo de confeção. 
  • Utilize a panela e bico mais pequeno para a tarefa, e combine-os. Uma panela de 6 polegadas num queimador de 8 polegadas gasta mais de 40% do calor do queimador.
  • Utilizar o micro-ondas ou um forno tostador para aquecer ou cozinhar doses pequenas poupa energia. Isto poupa especialmente nos custos de refrigeração durante o verão, visto que não há tanta geração de calor em comparação com o fogão ou forno.
  • Se possível, cozinhe vários pratos ao mesmo tempo quando utilizar o forno. 
  • Evite espreitar para dentro do forno enquanto estiver a funcionar. O calor sai, quando a porta é aberta. 
  • Descongele a comida no frigorífico, em vez de ir diretamente do congelador para o forno ou descongela-la no microondas
  • Se tem um forno com autolimpeza, ligue-a depois de o utilizar, enquanto o forno ainda está quente.
 
Um aquecimento de água inteligente poupa energia 
  • Programe o termoacumulador para 120°F para uso normal. (Nota: Alguma máquinas de lavar louça necessitam de temperaturas mínimas. Consulte o manual.)
  • Se vai estar fora por um longo período de tempo, desligue totalmente o seu termoacumulador. Uma vez ligados, a maior parte dos modelos vai aquecer a água para a temperatura programada em mais ou menos uma hora. Se tiver um termoacumulador a gás mude-o para "low" ou "modo de férias." 
  • Atualize o seu termoacumulador para um modelo de elevada eficiência. Se o seu termoacumulador tem 8-12 anos, está quase no final da sua vida útil. Substitua-o agora na vez de fazer uma substituição de emergência quando não tiver água quente.
  • Os termoacumuladores mais recentes são bem isolados. No entanto, se o seu termoacumulador estiver quente de lado perto do topo, pode reduzir a perda de calor se instalar uma manta isoladora no termoacumulador. (Primeiro verifique manual para ter a certa que este passo não anula a garantia do fabricante. Se o período de garantia acabou, isto não é um problema.) Certifique-se de que utiliza o tipo de manta apropriado para o seu termoacumulador, seja ele elétrico, a gás ou a óleo. Siga as instruções de instalação do fabricante atentamente.
  • Envolva os canos de água quente que saem do termoacumulador com isolamento. Envolva os canos mais perto do aquecimento em primeiro lugar para maiores poupanças.
 
Poupe água na sua casa de banho 
  • Use economizadores de água nas torneiras e nos chuveiros de baixo fluxo para desperdiçar menos água quente. Uma cabeça de chuveiro de baixo fluxo utiliza dois galões de água por minuto ou menos. 
  • Tome um duche em vez de tomar banho. Um duche de dez minutos pode gastar menos água do que um banho de imersão. 
  • Para evitar problemas relacionados com humidade, controle a humidade na casa de banho colocando o ventilador a funcionar durante os banhos e duches e 15 minutos após os mesmos.
  • Repare todas as torneiras com fugas, uma vez que mesmo as mais pequenas fugas aumentam consideravelmente os gastos de água e dinheiro. 
  • Evite ter a água a correr continuamente enquanto estiver a lavar a louça, a lavar os dentes ou a fazer a barba.
 
Trate da sua roupa mais eficientemente 
  • Lave a roupa em água fria sempre que possível. Lavar a roupa normalmente com água fria não afeta os resultados da limpeza e pode reduzir o encolhimento.
  • Siga as instruções do detergente atentamente. Utilizar muito sabão faz com que o motor da máquina de lavar trabalhe mais. 
  • Lave apenas com carga completa. Se tiver de fazer uma lavagem parcial, reduza o nível de água adequadamente e reduza o tempo de secagem conforme necessário. Muitos modelos mais recentes fazem isto automaticamente.
  • Carregue as máquinas de lavar e secar com a capacidade máxima, mas não sobrecarregue. A sobrecarga pode diminuir a eficiência. 
  • Não seque demasiado a roupa. Se a máquina de secar tiver um sensor de humidade que desliga a máquina automaticamente quando a roupa estiver pronta, utilize esse sensor para evitar uma secagem prolongada. Se não tiver essa função, tente ajustar a duração do programa ao tamanho e peso da roupa.
  • Tente secar roupa com tecidos semelhantes, para que fique toda seca quando o programa terminar. 
  • Limpe o filtro de cotão antes de cada carga de roupa para que a máquina funcione eficientemente.
Download our Saving Energy at Home brochure in the language of your choice: